Mario Dal Maso

Descarte de óleo em condomínios deve ser feito de maneira adequada


Extremamente prejudicial para o meio ambiente, o descarte incorreto de óleo de cozinha pode contaminar milhões de litros de água. Para mudar esta realidade é necessário que a população se conscientize sobre este mal.

Em condomínios, a situação não é diferente e além do dano ambiental, o descarte também gera prejuízos financeiros. A gerente de condomínio da Mario Dal Maso, Karen Monteiro, explica que o descarte incorreto danifica e entope as tubulações prediais. “Para o morador descartar o óleo, é necessário aguardar ele esfriar, inseri-lo em uma garrafa PET e deixa-lo no local estipulado pelo condomínio, como o ponto de coleta”, afirma.
 
Além disso, Karen ressalta que o síndico não precisa aprovar a coleta seletiva de óleo em assembleia, mas é importante realizar esta campanha de conscientização.
 

 

< Voltar



Mario Dal Maso - 2017 © Todos os direitos reservados

Desenvolvimento: Predicado Comunicação